Herois das Sombras - O importante papel da segunda base

Em  tempos de incertezas, onde o mundo assiste atônito á pessoas se transformando em números, diversos soldados estão espalhados a combater um inimigo invisível, porém real, que diariamente causa mais danos que o mais temido personagem de ficção.
O corona vírus (COVID-19),veio mostrar o lado democrático das enfermidades, em que mocinhos e vilões são atingidos da mesma forma e muitos são levados a lona como um boxeador, logo após levar um potente gancho de direita de Ali.
Mas em tempos assim, quem são os heróis a combater este mal?
Médicos? Claro! Enfermeiros? Certeza!



Mas por trás de toda essa equipe técnica altamente capacitada, temos guerreiros entrincheirados, que fazem um importante trabalho de prevenção e auxilio para diminuição de casos. Mas estes profissionais são lembrados e reconhecidos pela sua importante ação?
Auxiliares de serviços gerais, profissionais de segurança, maqueiros, farmacêuticos, pesquisadores, equipes de fiscalização, equipes de logística, motoristas, são os profissionais que agem nas sombras, e como formiguinhas, promovem condições para que as ações de combate sejam realizadas.
São eles que ajudam a pôr em funcionamento os planos de guerra estabelecidos pela inteligência, e nisso, o combate ao inimigo se torna mais eficiente. Tamanha importância, infelizmente não é reconhecida como deveria pela opinião pública, embora  todos saibam que sem estes importantes soldados, a guerra contra o inimigo a frente, estaria perdida. Afinal , assim como Batman tem Alfred, Blade tem Whistler e Tony Stark tem sua  Pepper, a guerra contra essa pandemia tem seus importantíssimos colaboradores.




As instituições de saúde país afora, são obrigadas a  fornecer adequadamente as armaduras para que estes cavaleiros possam combater eficientemente este mal. A caça as bruxas na idade média era uma constante, e cada acessório fornecido pela toda poderosa igreja medieval, era de importância impar para o sucesso dos grandiosos cavaleiros templários por território europeu. Assim são os templários da atualidade, máscaras, gorros, luvas e cada acessório que sirva de barreira para exposição contra o temido vírus, auxiliarão a curto, médio e longo prazo, o sucesso da missão, e que não se transforme em cinzas, o bem mais importante para a existência humana, o dom de respirar.



O país vive uma onda de instabilidade político econômica, mas de forma nenhuma a sociedade brasileira pode aceitar que, guerreiros venham a tombar em batalha por faltar armamento adequado, se transformando assim, em meros números de guerra, para satisfazer egos que necessitam se inflar.
Como diz o jargão militar, "na guerra, as baixas são inevitáveis", o que não deixa de ser verdade, mas a certeza que se tem, é que cada herói de guerra prefere cair lutando, que sucumbir a inutilidade de mãos alheias.
Ouçam os gritos, respeitem os clamores, sejam mais humanos e responsáveis, pois só assim, cada guerreiro ativo nesta batalha, seja com a caneta ou com a vassoura, terá seu sacrifício valido a pena!


* "A SUPREMACIA DA GUERRA, É DERROTAR O INIMIGO SEM LUTAR. SE VC CONHECE O INIMIGO E CONHECE A SI MESMO, NÃO PRECISA TEMER O RESULTADO DE CEM BATALHAS, SE VOCÊ SE CONHECE, MAS NÃO CONHECE SEU INIMIGO, PARA CADA VITÓRIA, SEMPRE TERÁ TAMBEM UMA DERROTA.
Sun Tzu - A A


 

Este conteúdo tem como objetivo homenagear a todos os profissionais que prestam serviços essenciais neste momento de pandemia. Não vou citar nome de nenhum , para não ser injusta com todos os demais, mas fica aqui registrado, todo meu respeito, admiração e gratidão a vocês que seguem, apesar dos riscos, na luta contra um inimigo invisível!
Que não apenas hoje, mas em todos os outros dias a partir daqui, percebam a importância de vocês e dêm a valorização necessária. 


11 comentários via Blogger
comentários via Facebook

11 comentários

  1. Adorei saber mais sobre isso! Já estou seguindo o blog!
    Beijos!
    Lob Blog

    ResponderEliminar
  2. Exatamente. Nos lembramos de tantos outros é esquecemos quem está na linha de frente. Inclusive eu tenho uma amiga que está trabalhando num hospital. Logo sei que tudo voltará ao normal.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É uma situação tensa né? A gente nunca sabe quando vai receber a noticia de quem amigo que está nesta luta, na linha de frente foi infectado.
      O pessoal da chamada segunda base, tem tanta importância quanto o pessoal da Linha de Frente da primeira base, mas não tem a mesma visibilidade e apoio.
      Espero que sua amiga fique bem.

      Eliminar
  3. Para mim, esses é que são verdadeiros super-heróis. Não é fácil ter que se arriscar para salvar vidas e nem sempre ser reconhecido. Adorei o post.

    Tatiana - Sapore Magico

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Com certeza, Tati! Pessoal tem por hábito idolatrar jogadores, cantores, políticos, mas os verdadeiros heróis são os profissionais que se arriscam dia após dia para que tenhamos um futuro melhor, uma seguridade de vida.

      Eliminar
  4. Realmente, essas pessoas estão fazendo um trabalho tão incrível e corajoso que o modo que a gente tem de agradecer é ficando em casa e respeitando a quarentena.

    ResponderEliminar
  5. Que analogia linda, em tempos de guerra temos que enaltecer nossos heróis!

    ResponderEliminar
  6. Maravilhoso e disse tudo.
    As pessoas idolatram errado aqueles que fazem por nós alguma coisa.
    Profissionais da saúde que lutam por vidas (e professores que lutam pela educação, não posso deixar de fora), sempre são meio esquecidos E tem aqueles que fazem todo um glamour na profissão de médico.
    Corona Vírus apesar de tudo tem ensinado bastante a sociedade

    ResponderEliminar
  7. Que lindo post. Com certeza são nossos verdadeiros heróis. Um ótimo post.

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderEliminar
  8. Parabéns pelo texto, é exatamente isso que passa pela minha cabeça quando vejo esses profissionais, heróis. O que seria de nós se eles não estivessem ali, cada um dando seu melhor para que o país não pare.

    ResponderEliminar